Estrutura Física

Galerias:

Cañizares:

  • Coordenadores: Profa. Renata Voss e Prof. Ricardo Bezerra
  • Monitores de Mediação: Damião Santana, Deborah Rosa, Lavínia Silva e Monaliza
  • Monitores de Comunicação: Igor Carvalho e Mário Roberto
  • Funcionamento – 9h às 18h
  • Tel.: (71) 8800-1207
  • E-mail: galeriacanizares@ufba.br
  • Acesse a página

Do Estudante:

  • Coordenador(a): Profa. Me. Priscila Lolata
  • Coordenador(a): Prof. Me. José Magalhães Rocha

 

A Escola de Belas Artes da UFBA está localizada no Campus do Canela, na Rua Araújo Pinho, 212. Ocupa um terreno amplo, com área total de mais de dez mil metros quadrados, sendo cinco mil e cem de área construída. É composta pelo Prédio Principal (Casarão Rosa) datado no final do século XIX (1870), o Prédio da Galeria Cañizares e mais três Pavilhões de Aulas. O complexo arquitetônico é tombado pelo Instituto de Patrimônio Cultural –IPAC/Bahia, decreto 8.722/05.11.2013.

O espaço físico da Escola de Belas Artes é de privilegiada beleza natural, um dos poucos ainda remanescentes dos antigos logradouros da cidade do Salvador. Tem como vizinhos a Reitoria, a Secretaria Geral de Cursos, a Pro-Reitoria de Graduação, além das escolas de Teatro e Música. Também encontra-se próximo ao Campo Grande, maior jardim e praça pública da cidade, e ao Teatro Castro Alves. Em resumo, a comunidade da Escola dispõe de toda a estrutura social, cultural e comercial dos bairros do Canela e da Vitória.

O Casarão encontra-se ocupado por espaços administrativos, educativos e culturais. Na entrada localiza-se o painel Artista em Destaque, resultado de atividade de extensão permanente implementada em 1990. Ainda no piso térreo, estão a Galeria do Aluno, o Arquivo Histórico e Documental, os colegiados dos quatro cursos de graduação, o almoxarifado e os laboratórios de Poéticas Visuais  e o de Investigação de Materiais, além do Núcleo de Computação. No 1º andar funciona a Diretoria, a Coordenação Administrativa e Financeira, a Secretaria Administrativa, o Núcleo de Apoio a Pesquisa e Extensão-NAPEX, os Departamentos I – História da Arte e Pintura, e o II – Expressão Gráfica e Tridimensional, Sala de Professor, Sala de Reunião Prof. Riolan Coutinho,  Salão Prof. Juarez Paraiso e o Salão Nobre/Auditório.

No primeiro andar permanece em exposição, em todas as paredes das salas, parte do acervo da EBA, com obras de arte dos professores, artistas consagrados, desde a fundação da Escola até os dias atuais.

Os Atelieres de Pintura ocupam as salas 04 e 05 da parte externa do Prédio Principal (Casarão). Dispõem de mobiliário específico, cavaletes, armários, mesas e grandes painéis de madeira presos nas paredes, onde os professores podem expor os trabalhos dos estudantes para avaliações. Neste espaço têm lugar o ensino teórico e as práticas das técnicas de Pintura, Técnicas de Representação Gráficas e Composição Decorativa.

O Pavilhão de Aulas Germano Tabacof, construído em 1985, atualmente encontra-se interditado para reformas estruturais. Era onde funcionava a Biblioteca e as aulas de pintura e desenho. O projeto de recuperação está em andamento.

O Pavilhão de Aulas Mendonça Filho, construído em 1995, foi ampliado em 2013, quando passou a dispor de três pisos que hoje abrigam salas, laboratórios e atelieres. Neste ambiente são ministradas aulas de Expressão Tridimensional, que abrange as técnicas de modelagem, escultura em madeira, escultura em pedra, resina poliéster com fibra de vidro e cerâmica. As salas de Desenho estão estruturadas para o ensino e práticas do Desenho de Observação, Desenho de Modelo Vivo e o Desenho de Criação e Interpretação. Também funcionam nesse prédio as aulas de Maquete, Fotografia e o Laboratório de Restauro do Acervo de Gesso. Em cada andar tem sanitários para o atendimento normal e adaptados para cadeirantes. A obra prevê a futura instalação de elevador.

A Oficina de Gravura, com 205 metros quadrado, está atualmente equipada para o ensino de Xilogravura, Litogravura, Serigravura, Gravura em Metal- água forte, água tinta e ponta seca. Note-se que o primeiro equipamento nesta especialidade que chegou a EBA foi uma prensa de gravura em metal no ano de 1958. A Oficina dispõe ainda de prensas de xilogravura, litogravura e dispositivos de serigravura.

No Prédio da Pós-Graduação, construído em 2012 para atender aos cursos de Mestrado e Doutorado em Artes Visuais, funcionam o Colegiado do Programa da Pós-Graduação e o Colegiado do Curso de Especialização. Dispõe de cinco gabinetes para reuniões e orientações e duas salas aula, onde também acontece o ensino das componentes de História da Arte para os Cursos de Graduação.

O casarão onde funciona a Galeria Cañizares, também situado na Av. Araújo Pinho, data do início do século XX.  O andar térreo é dedicado ao espaço expositivo e o andar superior à Reserva Técnica do Acervo de Obras de Arte da Escola. Comporta ainda uma sala para as aulas teóricas, um laboratório para as aulas práticas da componente Conservação e Restauração da Obra de Arte e o escritório do Núcleo de Conservação e Restauro da Obra de Arte.

No subsolo da Galeria funcionam o Centro Acadêmico Unificado da EBA – CAUEBA, o LAB Design e o Laboratório de Papel Artesanal, atualmente em processo de reestruturação. Em anexo ao prédio está localizada a ALINHAVO – Empresa Junior da  Escola de Belas Artes.

O rico histórico da Biblioteca Sofia Olszewski Filha encontra-se detalhado no documento em anexo: Arquivo PDF

Download do Mapa Completo

© 2016 Todos os direiros reservados - Desenvolvido por uma cria da casa