Juarez Paraíso é eleito para a Academia de Letras da Bahia

Publicado em: 16 de dez de 2018

Primeiro artista plástico a ocupar vaga, Juarez Paraíso foi eleito para a cadeira número 39 da ALB, que teve como último titular o escritor e professor Edivaldo Boaventura, falecido em
agosto deste ano.

A Escola de Belas Artes sensibilizada e honrada com o novo Título almejado pelo Artista Plástico e Visual JUAREZ MARIALVA TITO MARTINS PARAÍSO,Professor Emérito da Universidade Federal da Bahia, por mais de 60 anos dedicados à sala de aula desta casa, onde também exerceu o cargo de Diretor da Unidade, parabeniza por sua eleição como Membro da Academia de Letras da Bahia como o 1º Artista Plástico a ocupar uma cadeira de tão representatividade nesta reconhecida Academia, felicitando os seus familiares, amigos e colegas.

Salvador, 12  de dezembro de 2018

Profª Nanci Santos Novais
Diretora


Informe à comunidade da Escola de Belas Artes

Publicado em: 11 de dez de 2018

INFORME À COMUNIDADE DA ESCOLA DE BELAS ARTES

Dia 17 de dezembro/2018 vamos encerrar as comemorações dos 140 anos da
EBA quando celebraremos os 141 aniversários, nesse sentido convidamos a
todos a participarem dos eventos anunciados na nossa PROGRAMAÇÃO.

Dia 17/12/18 – 2ª feira

11:00h – Placa em homenagem às professoras Sylvia Atayde e Sofia Olszelwiski Filha.
Local: Espaço interno da Biblioteca

12:00h – Abertura do Coletivo de Pintura III ministrada pela Profª Dra. Viga Gordilho
“Fragment [Ações] de Memória”
Local: Galeria do Aluno

13:00h – Confraternização/Celebração
Lançamento da 17ª Edição da DiBolso
Produção de Desenho V ministrado pelo Prof. Dr. Cristiano Piton
Local: Pátio da EBA

15:00h – Inauguração da Galeria dos Ex-Diretores
Produção de Pintura Coordenação: Prof. Anderson Marinho
Linha do Tempo: Projeto da Profª Márcia Magno
Local: Salão Nobre da EBA

16:00h – Premiação –1º Prêmio Bienal de Artes Visuais Profª Malie Kung Matsuda
Organização: Profª Nanci Novais
Benemérito: Martin Kung
Local: Salão Nobre da EBA

17:00h – Abertura da Exposição de Formandos 2018.2
“MMXVIII”
Curador: Profº Dr. Roaleno Costa
Local: Galeria Cañizares da EBA-UFBA

A Direção


1° Prêmio Bienal de Artes Visuais Professora Malie Kung Matsuda

Publicado em: 10 de dez de 2018

Apresentando obras de diversas técnicas, com exposição aberta ao público e encantamento em cada detalhe, o 1° Prêmio Bienal de Artes Visuais Professora Malie Kung Matsuda surgiu neste ano para incentivar novos artistas visuais e coletivos de artistas oriundos do curso de artes plásticas. O prêmio recebeu esse nome em homenagem à professora Malie Kung Matsuda, docente da Universidade por mais de 25 anos, e surgiu a partir da iniciativa de seu irmão Martin Kung, com organização da diretora da Escola de Belas Artes, Nanci Novais. O Palacete das Artes foi o museu escolhido para abrigar a primeira edição.

Galeria de fotos com obras concorrentes ao 1° Prêmio Bienal de Artes Visuais Professora Malie Kung Matsuda, expostas no Palacete das Artes, Salvador-BA.


Mostra de Arte do Curso Livre de Pintura 2018

Publicado em: 07 de dez de 2018

Turma 2018 do Curso Livre exibe trabalhos no Barra Espaço de Arte.


Exposição Arte, Cidade e Urbanidades

Publicado em: 06 de dez de 2018

Entre 06/12 e 08/12 em curta exibição na galeria Cañizares estará aberta a Exposição Arte, Cidade e Urbanidades como parte da programação da segunda edição do encontro homônimo.

Abertura 
Quinta-feira, dia 06/12 às 13h00
Galeria Cañizares
Av. Araujo Pinho, 212 – Canela

Exposição Arte, Cidade e Urbanidades

Projeto Invasões ( Lucas Feres e Lucas Lago )
Cartografia Afetiva ( Larissa Leão )
Vendido ( André Quintino Lopes)
Vendo ( José de Deus )
Você Fala Pretuguês ? (Maria Macêdo )
Registro processual de ações e performances do encontro.

Importante: a exposição se encerra no dia 08/12. Curta Exibição.


II Encontro – Arte, Cidade e Urbanidades

Publicado em: 05 de dez de 2018

II ENCONTRO – ARTE, CIDADE E URBANIDADES

*Encontro reunirá artistas, pesquisadores e agentes culturais sob o tema Arte, Cidade e Urbanidades

*06 a 08 de dezembro

*Entrada Gratuita

*Mais informações: https://ufbaurbanidades.wixsite.com/encontro

O encontro reúne artistas, pesquisadores e agentes culturais para discutir e divulgar as práticas artísticas a partir de suas potencialidades em criar e articular outros modos de ver, fazer e viver as cidades e construir outros imaginários/lugares. O evento é composto por mesas, sessões de comunicações, intervenções urbanas, apresentações artísticas, oficinas, e uma exposição processual. Cinquenta anos após os protestos mundiais de 1968 e o texto de Henri Lefebvre, Le droit à la ville, procura-se debater o papel das práticas artísticas na cidade e refletir sobre o direito a uma cidade sensível. A arte resiste a alguma coisa? Como as práticas artísticas contribuem com o espaço social e público? Quais ações nos ajudam a repensar ou re-imaginar os espaços urbanos? Como resistir ou reagir em frente aos desafios, urgências e ausências?

O evento foi organizado em torno de três temas relacionados com as experiências artísticas/sensíveis no espaço urbano: [1] “O direito a uma cidade sensível” que lida com as questões e indagações dos sujeitos que praticam a urbe, com a presença de Brígida Campbell (MG), artista e professora do curso da graduação de Artes Visuais da Escola de Belas Artes da UFMG; [2] “Arte em contextos (extra)urbanos” que propõe discutir a urbe pela lente tanto da arte, quanto da atuação política e da mobilidade artística, com a presença por Skype de Graziela Kunsch (SP), artista, educadora, curadora e editora e [3] “Perspectivas de ação/estética/ética/política de ocupação no espaço urbano” que parte de uma perspectiva transdisciplinar entre as áreas de performance, grafite, psicologia e geografia, para refletir sobre as individualidades e coletividades que marcam os espaços urbanos, com a presença de Eloisa Brantes (RJ), professora adjunta do Departamento de Linguagens Artísticas/Instituto de Artes – UERJ.

Ainda dentro da programação e com entrada gratuita, acontecerão quatro oficinas, intervenções e ações artísticas, o concerto Bodyscape do artista Luca Forcucci, performances, o workshop LUTO, da artista e pesquisadora Talitha Andrade, exibição de filme (com bate-papo após a sessão) e a exposição Arte, Cidade e Urbanidades, na galeria Cañizares. Importante lembrar que nas diversas atividades busca-se estabelecer uma troca entre os convidados, os participantes, o público e a cidade fazendo com que as práticas e as discussões possam contribuir com o pensamento sobre arte, cidade e urbanidades.

 

PROGRAMAÇÃO

06/12 | QUINTA-FEIRA
8:00 – 17:00 Performance itinerante: Um dia – Sofia Boito – Centro
13:00 – 14:00 Abertura do encontro e da exposição Arte, Cidade e Urbanidades (Cartografia Afetiva – Larissa Leão; Projeto Invasões – Lucas Feres e Lucas Lago; Vendido – André Quintino Lopes; Vendo – José de Deus; Você fala Pretuguês? – Maria Macêdo; registro processual de ações e performances) – Galeria Cañizares
14:00 – 16:00 MESA – O DIREITO A UMA CIDADE SENSÍVEL – Salão Nobre
– Ciane Fernandes – Atravessando o Autismo: Intoxicação urbana e re-existências somático-performativas entre público e privado
– Carlos Alberto Ferreira – Cidade Cega: uma encenação pelo direito a uma Cidade Sensível
– Juliana Lopes – Entre o coletivo e o individual: a potência imaginativa habitando os muros de Salvador
­ – Brígida Campbell – Ocupar e imaginar a cidade. O que queremos para o espaço público?
Mediação: Ludmila Britto
16:00 – 17:00 Workshop: LUTO – Talitha Andrade – Galeria Cañizares
17:00 – 19:00 SESSÃO TEMÁTICA 1 – Salão Nobre
– Ludmila Britto – Festejar e Cozinhar: pequenas (e potentes) revoluções
– Rafael Câmara – Mulheres, arte e espaço público uma reflexão sobre o ativismo artístico feminino
– André Lopes – Twindow: uma experiência de convívio, entre vizinhos, na era das redes sociais
– Leidiane Santos Oliveira – O Soul tomou conta da cidade: Gerson King Congo e Toni Tornado como subversão a Ditadura Civil Militar
19:00 – 20:00 Exibição de filme e bate-papo: Sempre verei cores no seu cinza – Direção: Ana Bela Roque; Eloisa Brantes – Pátio/EBA

07/12 | SEXTA-FEIRA
08:00 – 12:00 Oficina e intervenção urbana: Teia – Lenine Guevara – Sala 6/Mendonça Filho
09:00 – 12:00 Oficina de SoulCollage® sobre subjetividade e espaço urbano: Que cidade te habita? – Juliana Mendonça Lopes e Vinícius Andrade de Souza – Sala 2/Casarão
09:00 – 11:00 Workshop: LUTO – Talitha Andrade – Local a combinar com a artista
10:00 Performance itinerante: Tálamo – Maria Macêdo – Centro
12:30 – 19:30 Performance: Chorar os Filhos – Nina Caetano – Praça Pública
14:00 – 16:00 MESA – ARTE EM CONTEXTOS (EXTRA)URBANOS – Salão Nobre
– Maicyra Leão – Práticas de cuidado e cotidiano: acoplamentos a partir da arte e do materno
– Augusto Albuquerque – Instituto Sacatar: uma esquina do mundo em Itaparica
– José Eduardo Ferreira Santos – Deslocamentos estéticos em uma cidade fragmentada: o caso do Acervo da Laje (2010-2018) nas artes visuais e na memória de Salvador
– Graziela Kunsch (Skype) – Lugar de escuta e escuta do lugar: a Clínica Pública de Psicanálise e suas traduções em diferentes contextos
Mediação: Tininha Llanos
14:00 Oficina e intervenção urbana: Teia – Lenine Guevara – entorno da EBA
16:00 – 18:00 Ação Artística: Sala de encontro – Vanessa de Castro Girardi – Sala B/PPGAV
17:00 – 19:00 SESSÃO TEMÁTICA 2 – Salão Nobre
– Adriana Gomes do Nascimento, Alice Saute Leitão, Ana Carolina Velho, Tatiana Soledade Delfanti Melo – Urbanidades e Rurbanidades: perspectivas (inter)disciplinares e latino-americanas
– Pedro Henrique Azalim Cunha – Foto(poética)grafia do Yoga: direito à cidade artística-sensível
– Isabela Esteves Gomes – Um exemplo estético da mediação e a ética do diálogo da comunidade do Rodeadouro em Juazeiro
– Ana Luiza Ribeiro Carvalho, Adriana Nascimento e Alice Saute Leitão – E(s)coa: o caminhar como manifesto político-poético
19:30 – 20:00 Intervenção performática: Coletivo Kareta com Prekito | Eliana Barbosa de Amorim e Maria Macêdo – Centro

08/12 | SÁBADO
08:00 – 12:00 Workshop criativo: A cidade e a escrita – Sofia Boito – Atelier Livre/Jardim
09:00 – 12:00 Oficina: Geocomunicações aplicadas às Artes Urbanas – Antônio Heleno Caldas – Laboratório de Poéticas digitais
10:00 – Ação Artística: Observatório do rio que brilha e outras histórias – Taiane Dias e Felipe Caires – viaduto do Canela
13:00 – Intervenção urbana: Não Autorizada – Liz Under – largo do Campo Grande
14:00 – 16:00 MESA – PERSPECTIVAS DE AÇÃO ESTÉTICA/POLÍTICA NO ESPAÇO URBANO – Salão Nobre
– Talitha Andrade – LUTO como prática visual de guerrilha urbana feminista
– Marcelo Faria – Espaço, arte e esfera pública: uma tentativa de apropriação
– Thais Portela – Ação estética/política e o direito à cidade no antropoceno
– Eloisa Brantes – Corpos violados : o luto como tática de luta
– Roca Alencar – Espaço público e uso privado: as tensões entre o público e o privado na pixação soteropolitana
Mediação: Ines Linke
16:00 – 17:40 Concerto: Bodyscape – Luca Forcucci – Galeria Cañizares
17:00 – 19:00 SESSÃO TEMÁTICA 3 – Salão Nobre
– Vânia Medeiros Moreira – Cidade Passo: conversações entre arte, design e etnografia
– Thais Garcia Macambira – Adoe(s)endo na falta de tempo que o tempo tem: possíveis brechas e respiros em meio ao cansaço contemporâneo
– Maria Emília Rodrigues Regina e Lívia Domingues dos Santos – Prototipagem digital como resgate de elementos sensíveis nas festas de Largo de Salvador
19:00 – 20:00 – Encerramento – Galeria Cañizares

 

II ENCONTRO – ARTE, CIDADE E URBANIDADES
Endereço: Escola de Belas Artes – UFBA – Avenida Araujo Pinho s/n, Canela.
Mais informações: https://ufbaurbanidades.wixsite.com/encontro
E-mail: urbanidades.ufba@gmail.com
Idealização: Grupo de pesquisa Urbanidades / CNPq
Realização: PPGAV / EBA – UFBA
Apoio: Galeria Cañizares, Nicati- De Luze, (nomes dos apoiadores do artista Luca Forcucci)


Oficinas de artes e design no evento EBA 12H

Publicado em: 28 de nov de 2018

Acontece no dia 30 de Novembro, o evento EBA 12H. O evento acontecerá na Escola de Belas Artes, a partir das 8h. A programação será composta por bate-papos e oficinas.

Os interessados em participar devem preencher o formulário disponível no link: https://form.jotformz.com/82737564377672….
O evento possui uma taxa de inscrição de R$10,00. O pagamento deverá ser realizado no dia e local do evento. 
.
Confira a programação completa!
Participem!
.
Mais informações e fonte:
https://www.instagram.com/eba12h/?hl=pt-br


Abertura do Prêmio Bienal de Artes Visuais Profa Malie Kung Matsuda

Publicado em: 24 de nov de 2018

Apresentando obras de diversas técnicas, com exposição aberta ao público e encantamento em cada detalhe, o 1° Prêmio Bienal de Artes Visuais Professora Malie Kung Matsuda surgiu neste ano para incentivar novos artistas visuais e coletivos de artistas oriundos do curso de artes plásticas. O prêmio recebeu esse nome em homenagem à professora Malie Kung Matsuda, docente da Universidade por mais de 25 anos, e surgiu a partir da iniciativa de seu irmão Martin Kung, com organização da diretora da Escola de Belas Artes, Nanci Novais. O Palacete das Artes foi o museu escolhido para abrigar a primeira edição.

Galeria de fotos registradas no dia 06/11/2018, na abertura da exposição do 1° Prêmio Bienal de Artes Visuais Professora Malie Kung Matsuda, realizada no Palacete das Artes, Salvador-BA.


FabLab-EBA faz consulta aos usuários de suas instalações e equipamentos

Publicado em: 24 de nov de 2018

FabLab EBA (Núcleo de protótipos e modelagem digital da Escola de Belas Artes-UFBA) deseja saber qual sua opinião sobre este laboratório.
 
Sua contribuição é muito importante!
 
https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScL7AyXOuA_EB5ukamxoHOQaJyw_tfaXnv8qxnscOOtarPTxA/viewform?usp=sf_link
 
A Equipe FabLab-EBA agradece.

ABERTA INSCRIÇÃO PARA MONITORIA NO II ENCONTRO ARTE, CIDADE E URBANIDADES

Publicado em: 24 de nov de 2018

CHAMADA PARA SELEÇÃO DE MONITORIA

A Comissão Organizadora do II encontro Arte, Cidade e Urbanidades torna público o processo seletivo para interessados em atuar como monitores voluntários do evento. A chamada visa selecionar estudantes e membros da comunidade da UFBA em geral, interessados em participar da organização e das atividades do evento, que se realizará no período de 06/12 A 08/12/2018 na Escola de Belas Artes da UFBA.

Mais sobre o evento acesse o site http://ufbaurbanidades.wixsite.com/encontro

FAVOR SE INSCREVER APENAS QUEM POSSUIR DISPONIBILIDADE DE TEMPO PARA: 

1 . uma reunião de produção no dia 05/12/2018  – 14h as 18h na Escola de Belas Artes – A. Araújo Pinho S/n – Canela ;

2.  turnos  pré-definidos durante o período de 06 de dezembro a 08 de dezembro de 2018 totalizando carga horária de 30 horas com certificado acadêmico na Escola de Belas Artes – A. Araújo Pinho S/n – Canela e em ambientes externos.

Atenção !

Estudantes regulares matriculados na UFBA podem participar;

Basta ter disponibilidade no período de realização no evento de 06/12 a 08/12/2018;

Haverá certificação de 30 horas.

Mais informações acesse o formulário de inscrição:

https://goo.gl/forms/4wVpuWDivPDehnnc2


© 2016 Todos os direiros reservados - Desenvolvido por uma cria da casa