Retrato 3 por 4 do professor, pele clara, com cabelos pretos curtos e barba e bigode cheios e pretos, expressão séria, veste camisa pólo de cor cinza com os botões fechados.

Pedro Fernandes Marighella

Nascido em Salvador (BA), desenvolve projetos em artes visuais, design e música. Tem como principais interesses o olhar sobre processos culturais, sociais e históricos, com destaque para o potencial crítico da diversão. Premiado pela 10ª Bienal do Recôncavo. Desenvolveu um dos projetos comissionados da 3ª Bienal da Bahia. Participou da mostra A Nova Mão Afro-Brasileira – Museu Afro Brasil. Participou de residência na ARCO 08 (Madrid, Espanha) e Nam June Paik Award (Colônia, Alemanha) junto ao coletivo GIA, do qual fez parte de 2003 a 2010. Artista representado pela galeria RV Cultura e Arte. Desde 2017 é professor substituto na Escola de Belas Artes – EBA /UFBA . Segundo Emanoel Araújo, seus trabalhos refletem um artista voltado a registrar a multidão imaginária de uma grande cidade, um turbilhão de gente que se aglomera em ação, uma metáfora política com ritmos, formas, linhas, massas, para falar da paranoia de um mundo em transformação crescente e desesperado.


Leciona em:

© 2016 Todos os direiros reservados - Desenvolvido por uma cria da casa